Letalidade do coronavírus no Brasil sobre para 5% dos casos

Já são 800 mortos e 15.927 casos confirmados para o novo coronavírus no Brasil. Nas últimas 24 horas as mortes bateram um recorde. Foram 133 óbitos e 2.210 contaminados. A taxa de letalidade cresceu para 5% dos infectados.

Tocantins é o único estado sem mortes por Covid-19. São Paulo continua na liderança, com 6.708 casos confirmados e 428 mortes. Rio de Janeiro vem em segundo, com 1.938 contaminados e 106 óbitos; seguido do Ceará, com 1.291 casos e 43 mortes; e o Amazonas, com 894 confirmados e 30 mortes.

O Ministério da Saúde anunciou a assinatura de contrato com um fabricante nacional para produção, aqui no Brasil, de 6,5 mil respiradores em 90 dias. O valor da compra será de R$ 322 milhões. Um outro contrato para aquisição desse tipo de equipamento foi cancelado pelo fornecedor da China.

O Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, solicitou que o Conselho Federal de Medicina se posicione sobre o uso da cloroquina até dia 20 de abril.

O ministro disse que o presidente Jair Bolsonaro não tentou impor o uso do medicamento. Mas que defende o uso da cloroquina, apesar de entender a posição do Ministério sobre a necessidade de análise do conselho.

“O presidente da República em nenhum momento fez alguma colocação, diretamente para mim, de imposição. Ele defende, e todos nós defendemos, que se há chance melhor para esse ou aquele paciente, que a gente possa garantir o medicamento. Mas ele entende que nós precisamos que os conselhos analisem. Então será que seria inteligente dar um remédio pra 85% das pessoas que não precisam, e um remédio que tem efeitos colaterais? Será que vale a pena?”.
   
                       
O Ministério reafirmou que a orientação é a utilização da cloroquina apenas em casos graves.

Sobre a reunião com o presidente Bolsonaro ocorrida nessa quarta-feira, o ministro Mandetta afirmou que estão dando passos para uma unidade muito boa.

“Uma reunião de trabalho, com bom clima. Toda a equipe está tranquila e trabalhando. Já fiz agora à tarde outra, colocando situações a respeito dessas operações mais delicadas, operações internacionais. O presidente é muito parceiro, muito voluntarioso, tem um pensamento muito forte no Brasil. A gente vai dando passos rumo a uma unidade muito boa por parte do governo”.

O Governo iniciou a construção do primeiro hospital de campanha federal, em Águas Lindas, Goiás, no Entorno do Distrito Federal. O hospital terá 200 leitos e custará R$ 10 milhões. O governo de Goiás será responsável pela operação, maquinários e recursos humanos.

O Brasil é o 14º país em número de casos confirmados e o 12º em número de óbitos. São 1,466 milhão contaminados no mundo e 83.212 mortes.

1
Olá,
Podemos ajuda-lo ?
Powered by